Orçamento de Minas e Energia para 2020 cai pela metade

Bernardo Gonzaga, da Agência iNFRA

A proposta orçamentária para o Ministério de Minas e Energia para o ano que vem é quase a metade do que a pasta tem disponível para este ano. O valor enviado pelo Planalto, no final de agosto, ao Congresso Nacional pela PLOA (Proposta de Lei Orçamentária Anual) 2020, pediu um total de R$ 6,2 bilhões para o ministério, o que representa 53,3% do que o Legislativo aprovou para a pasta para o exercício de 2019.

A expectativa é que esse valor aumente com as emendas de bancadas, que a partir do fim deste ano terão caráter impositivo e começarão a ser enviadas a partir de outubro. O Congresso tem até dezembro para aprovar o texto final. A proposta orçamentária completa está disponível neste link.

Além de uma proposta orçamentária menor para o próximo ano, o valor disponível para investimentos que o ministério deverá ter é de R$ 93,5 milhões – ou apenas 1,5% do total disponível para pasta. Já o valor de reservas contingenciadas representa quase 40% do valor total proposto para o Ministério de Minas e Energia: R$  2,4 bilhões.

ANEEL
A ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) tem previsão orçamentária de R$ 1,4 bilhão, o que é próximo ao que a agência tem disponível para este ano: R$ 1,5 bilhão.

Mas, na mesma linha do ministério, o valor de investimento da agência reguladora é uma pequena fatia do valor total do montante previsto para a autarquia: R$ 16,1 milhões, ou 1,09% do orçamento da agência. O valor contingenciado também é maior do que o de investimento: R$ 212,8 milhões.

EPE
Já a EPE (Empresa de Pesquisa Energética), apesar de não ter nenhum valor previsto para contingenciamento, também teve sua previsão orçamentária diminuída. De R$ 147,3 milhões que a pasta tem disponível para 2019, a previsão é que ela passe para R$ 98,6 milhões. O valor de investimento previsto para a estatal é de apenas R$ 1,9 milhão.

Leia também:  Governo propõe mudança nos leilões de geração, separando a energia do lastro

Informações deste texto foram publicadas antes pelo Serviço de Notícias da Agência iNFRA. Esse produto diário é exclusivo para assinantes.

Para ficar bem informado, sabendo antes as principais notícias do mercado de infraestrutura, peça para experimentar os serviços exclusivos para assinantes da Agência iNFRA, enviando uma mensagem para nossa equipe.